Perfume La Vie Est Belle EDP – Lâncome

Fiquei aqui pensando qual deveria ser minha primeira resenha. Pensei, pensei e não resisti, tem que ser perfume. Quem me conhece sabe que sou a louca dos perfumes. Amo. Pra mim um perfume é muito mais que um toque final antes de sair pela porta. É memoria, é estado de espírito. Traz aquela lembrança de uma viagem, uma pessoa, uma época da vida. Eu vou e volto nos meus frascos e consigo viajar no tempo. Louco, né? Passo hooooras no Fragrantica lendo resenhas, conferindo as novidades e adicionando um monte pra minha wish list.

Pretendo fazer resenha de vários perfumes maravilhosos para vocês, mas resolvi começar com o La Vie Est Belle da Lâncome. Além de ser delicioso, o frasco é belíssimo.

Doce, intenso e super feminino, ele é um floral frutado com um toque gourmand.   A saída é doce e frutada, sinto bastante a pêra e o patchouli, mas logo a pralinê e o cumaru aparecem. É nessa hora que ele reina em absoluto, cremoso e com fundo abaunilhado. Que sensação gostosa de aconchego que ele traz! Adoro passar ele nos dias mais frios e chuvosos. Com o tempo ele fica mais suave e floral, sobressaindo a flor de laranjeira e a íris, levemente atalcado. A fixação como a da maioria dos perfumes da Lâncome é excelente. O meu é a versão EDP e fica na pele por cerca de 8 horas. Nas roupas, o La Vie Est Belle dura pra sempre haha! Adoro espirrar nas minhas escharpes e mesmo depois de dias, o cheirinho ainda está lá.

Esse perfume explodiu em popularidade no mundo todo, mas dá pra entender o porquê: ele é uma delícia. É doce? É, não vou mentir. Só que um doce sofisticado, de uma mulher feminina e envolvente. Não é aquele doce infantil de bala.

Você gosta de perfumes marcantes e doces? Então se joga, com parcimônia pelo amor de deus , porque ele é forte haha! Uma borrifada é mais do que o suficiente para ficar perfumada o dia todo e receber muitos elogios.